sexta-feira, 28 de julho de 2017

A Fundação do Estado de Israel - Tradutores de Direita



O vídeo é auto-explicativo, mas ainda assim, reiteramos o nosso espanto perante a perseguição de que este povo e esta nação são alvo. Tudo o que os judeus façam ou sejam, digam ou pensem, está errado: uma coisa e o seu oposto. E vice-versa.
A simples palavra "judeu" desperta aversão a muita gente. Os judeus, o povo da Bíblia, de onde saíram as suas maiores religiões monoteístas do Mundo, que veneram, ambas, os Profetas judeus, e que ao mesmo tempo odeiam os judeus. Estranha esquizofrenia que torna adorável um Abraão ou um Moisés sob uma luz cristão ou muçulmana, e que os torna detestáveis sob a luz judaica - a sua!
Nenhum país e nenhum povo sofreu e sofre tanta perseguição e difamação. A Alemanha, que ainda há 80 anos provocou uma Guerra Mundial atroz, pelo domínio global, com aspectos diabólicos de genocídio e tortura, goza da simpatia global. Existem 57 países islâmicos, que fomentam a jihad, a "guerra santa" muçulmana, que mata mais gente num ano do que a estafada Inquisição matou em 350 anos, e o Ocidente papa Islão e muçulmanos às colheradas.
Nenhum outro país e nenhum outro povo têm a sua existência questionada. Sem saberem sequer onde fica Israel, ignorando por completo a sua História, o Direito Internacional, a realidade no terreno, milhões de pessoas "sabem" que Israel e os judeus são maus, e não devem existir.
Não estudam porque "sabem", e porque "sabem", não precisam de estudar. Habitantes de todo o Novo Mundo, das Américas, da Austrália, da Nova Zelândia, dos países islâmicos (quase todos criados em terra invadida e após extermínio dos habitantes), "sabem" que Israel é "colonialista". Os COLONOS abominam um micro-país, o primeiro Estado nativo moderno.
Aqui há tempos, lembrava eu a um odiador que a maior parte da Medicina moderna foi criada por judeus, ele respondeu-me: "Mas foi em laboratórios não judeus!". Anti-semitismo, tortuosa doença mental, aparentemente sem outra cura que não o advento de uma Era que já se vislumbra, e que os Profetas judeus anunciaram há milénios.
Já para outros - como nós - é impossível ficar indiferente e não apoiar quem é vítima de tanta injustiça. Também isso (o amor desinteressado ao próximo e o impulso de ajudar os oprimidos) foram os judeus que deram à Humanidade.
Enquanto o Deus de Israel nos permitir respirar, defenderemos o Povo que Ele escolheu para tão espinhosa missão.

P.S. - Hoje é um Shabat especial para os judeus, em que se lhes pede empenho pela reconstrução do Templo. Força nisso, amigos judeus! Não adiem mais, à espera de que os odiadores finalmente se acalmem. Já não sois escravos no Egipto, na Babilónia, no Império Otomano ou na Alemanha nazi. Estais de regresso a casa, e na vossa pequena casinha mandais vós. Sois finalmente LIVRES!


Génesis 12
2Eis que farei de ti um grande povo: Eu te abençoarei, engrandecerei teu nome; serás tu uma bênção! 3Abençoarei os que te abençoarem, amaldiçoarei aquele que te amaldiçoar. Por teu intermédio abençoarei todos os povos sobre a face da terra!” 4Então partiu Abrão como o orientara o SENHOR, e Ló o acompanhou. Abrão tinha setenta e cinco anos de idade quando saiu das terras de Harã.

VÍDEO: motins "palestinos" continuam em Jerusalém, Judeia e Samaria


Os árabes continuam a causar o caos em Jerusalém, usando como pretexto o Monte do Templo, o local mais sagrado do Judaísmo, actualmente ocupado pelos muçulmanos.
Na sequência de um ataque terrorista que vitimou dois polícias, cometido por muçulmanos que saíam da pseudo mesquita de Al-Aqsa, Israel instalou detectores de metais - como existem em quase todos os lugares sagrados do Mundo. O que os muçulmanos agora exigem é a remoção das câmaras de segurança.

As forças de segurança permanecem em alerta elevado na Cidade Velha de Jerusalém, Judeia e Samaria e em todo o país, enquanto os tumultos árabes, protestos e violência continuam.

Apesar da remoção dos detectores de metais e outros aparelhos de segurança, a violência só aumentou. Nenhuma concessão que Israel faça jamais satisfará os muçulmanos, pois a extinção dos judeus é um mandamento islâmico:


 


Mãe do terrorista Omar distribui doces e apela a mais matança


Em obediência ao Islão, o terrorista islâmico Omar al-Abed entrou numa casa onde se celebrava o nascimento de uma criança e provocou uma chacina, causando três mortos judeus:

O terrorista  recolheu ao hospital, onde os serviços médicos de Israel lhe salvaram a vida:

O terrorista está a salvo! Uf!



A mãe de Omar al-Abed, o terrorista islâmico que matou três membros de uma família que comemoravam o nascimento de uma criança na refeição de Shabat, foi imediatamente distribuir doces em comemoração dos assassinatos, e incentivar mais derramamento de sangue, através das redes sociais:

"Autoridade Palestina" aumenta prémios para assassinos

Entretanto, Riyad Mansour, o embaixador da "Autoridade Palestina" nas Nações Unidas, quando questionado por um repórter sobre a matança de uma família judaica na refeição do sábado na semana passada, justificou tais ataques como "resistência":


O ISIS também defende os seus actos como "resistência", mas não tem assento na ONU. Perceba porque é que a ONU dá abrigo ao grupo terrorista Fatah/Autoridade Palestina:

Holocausto em Câmara Lenta

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Liverpool: Atacados por serem "não-muçulmanos e brancos"

Esta história tem um herói muçulmano, que podia ter fugido, mas enfrentou este gangue:


É de louvar a atitude, mas também devemos perguntar porque é que não vemos pessoas de outras religiões a atacarem quem os recebe na Europa e os sustenta. Todos sabemos a resposta: o Islão é supremacista e ordena a luta contra os "infiéis" até que estes se submetam... ou morram.

 

Gangue muçulmano ataca pessoas em Liverpool por serem "não-muçulmanos e brancos"

por Neil Docking, Liverpool Echo, 27 de Julho de 2017 (via Creeping Sharia):

    
Um gangue de homens muçulmanos invadiu o centro da cidade de Liverpool atacando estranhos por estes serem  brancos e "não-muçulmanos".

 
    
Uma testemunha temeu que Amin Mohmed, Mohammed Patel e Faruq Patel fossem terroristas do ISIS.

    
Os muçulmanos, bêbados, atacaram três homens desconhecidos e espancaram Gary Bohanna quando ele revelou que ele era cristão.
    
Faruq, de 19 anos, enquanto se ria, filmou Mohamed a atacar Paul Lynch no chão, enquanto a sua namorada, aterrorizada, tentava protegê-lo.



     
O Tribunal de Liverpool ouviu os agentes de contra o terrorismo que revistaram as casas dos três homens em Bolton, após o incidente chocante no dia 20 de Março do ano passado.

   
A juiz, Louise Brandon, disse: "Esta foi uma campanha de violência vergonhosa nas ruas desta cidade".

    
Paul Treble disse que o seu amigo muçulmano Edris Nosrati viu os atacantes a espancarem um homem na Bold Street por volta das 3.30 da manhã.

    
Ele disse: "Ele ficou preocupado porque um deles parecia estar usar linguagem racista, falando sobre muçulmanos e cristãos".

    
"Um deles abordou o Sr. Nosrati e disse:" Você é muçulmano? ", O Sr. Nosrati disse que era, mas o homem disse 'Bem, qual é a palavra muçulmana?'".

    
Ele disse que Nosrati respondeu com uma frase árabe "bem conhecida": "Não existe outro deus, a não ser Alá, e Maomé é o seu mensageiro".

    
O Sr. Treble disse: "Ele disse que é uma frase frequentemente ligada ao ISIS".




    
"Ele estava preocupado com a possibilidade de eles estarem associados de alguma forma a uma organização extremista".

    
O Sr. Nosrati foi informado de que "podia ir", mas quando tentou impedi-los de baterem em outro homem, um deles respondeu: "Não é da sua conta".

    
Ele seguiu o grupo até Renshaw Street, onde o Sr. Bohanna foi interrogado: "O que é que tu és?".

    
A vítima ficou confusa, mas quando uma delas disse: "Eu sou muçulmano, o que é que tu és?", respondeu: "Sou cristão".

    
O atacante gritou "Porque é que não és muçulmano?" e golpeou-o duas vezes, partindo-lhe os óculos e causando um corte de 2 cm acima do seu olho esquerdo.

  
O gangue então encontrou Lynch, conselheiro do trabalho do Moss Bank, e a sua namorada, Jill Newton.

    
O vídeo feito por por Faruq captou o golpe de Mohmed sobre o Sr. Lynch, um "golpe brutal" que pode ser "visto e ouvido".

    
Nenhum comentário racista é ouvido, mas quando o estudante John Moores é agredido e cai, Faruq pode ser ouvido  rir.

    
Nosrati chamou a polícia, mas Faruq fugiu, e então a testemunha perseguiu-o e agarrou-o.
    

 Faruq deu um soco ao Sr. Nosrati e atingiu-o nos olhos com o telefone, mas o herói manteve-o agarrado ...

    
Mohammed inicialmente negou os assaltos e sugeriu que eles foram abusados ​​racialmente por outros homens.

    
No entanto, ele confessou "atacar as pessoas porque eram brancas e não-muçulmanas".

    
Faruq disse aos polícias que lhe chamaram a ele e aos seus amigos "uns pretos sujos" e eles retaliaram.

    
Ele admitiu que filmava "porque achava engraçado" e descreveu-o como "uma barrigada de riso".
 Os atacantes admitiram agressão racial ou religiosamente agravada causando danos corporais reais ....

   
Mohammed confirmou que "as pessoas atacadas aquela noite eram o alvo porque eram brancos e não-muçulmanos".


 ----------------------------------

Em nome do politicamente correcto, para "não fomentar o ódio", os media omitem os milhares de casos como este que ocorrem todos os dias em todo o Mundo. Enfiar(em-nos) a cabeça na areia não vai contribuir para resolver o problema da islamização global...

VÍDEO: Detectores de metal não são problema em Meca... nem em lugar algum!

Após o assassinato de 2 guardas drusos israelitas no Monte do templo, por dois terroristas muçulmanos que introduziram armas no local e atacaram a partir da FALSA mesquita de Al-Aqsa, Israel resolveu instalar detectores de metais no Monte do Templo (actualmente ocupado pelos muçulmanos).
Indignação global contra Israel! Como podem os israelitas recusar serem abatidos pelos islamistas?
Nos protestos contra os detectores de metais, os muçulmanos assassinaram mais 5 israelitas.Mais celebrações islâmicas e mais prémios milionários para os terroristas e famílias - consulte a secção INTIFACADA.


No entanto, em quase todos os lugares sagrados do Mundo, existem detectores de metal - do Vaticano a Meca! 
Os detectores de metal são aceites sem protestos por milhões de muçulmanos que chegam de todo o mundo em Meca, na Arábia Saudita, para o Hajj, uma peregrinação islâmica anual.


Os detectores são vistos como uma medida de segurança necessária num mundo cada vez mais sob ataque de terroristas islâmicos.
Em Israel, todos os cidadãos passam por minuciosas revistas e por detectores de metal em todo o lado, seja numa discoteca, seja no Muro das Lamentações. Só se queixam os islamistas, os extrema-esquerdistas e os pró-terroristas em geral. As pessoas de bem, acatam.
Entretanto, Israel, cedendo à pressão global para não ofender os muçulmanos, retirou os detectores de metais. Agora, os muçulmanos, o mundo islâmico e mundo em geral, exigem a retirada das câmaras de vigilância!
Resumindo: em todos os países do Mundo, as autoridades tomam as medidas de segurança que entendem. E ninguém as questiona. Já há anos que temos países como a França ou o Reino Unido em estado de guerra, em alerta total, por causa da ameaça islâmica. E atiram a matar sobre os terroristas. Quando se trata de Israel, é exigido que os israelitas se deixem matar, até que se extingam, ou até que entreguem a soberania aos colonos árabes, para que estes os extingam. O anti-semitismo é uma doença incurável.

- Veja os posts anteriores sobre o massacre dos dois polícias drusos e o que se tem seguido:

O terrorista está a salvo! Uf!

Nunca volte as costas à mesquita

Terroristas matam 2 polícias na Cidade Velha de Jerusalém

Vítimas do ataque terrorista de hoje eram polícias drusos (VÍDEO)

Holocausto em Câmara Lenta

"Autoridade Palestina" aumenta prémios para assassinos

Agora mesmo: mais 5 israelitas inocentes assassinados

Aqui é em França. As autoridades identificam uma muçulmana, que faz o teatrinho do costume. Se estas imagens fossem de Israel, haveria condenações na ONU, mais judeus assassinados em todo o Mundo, e o Abade Louçã voltaria a descer as avenidas em apoio dos seus camaradas terroristas.


quarta-feira, 26 de julho de 2017

Wafa Sultan avisa-nos...

Wafa Sultan é uma psiquiatra síria e também uma escritora que abandonou a fé islâmica. Neste trechos de vídeo, ela comenta sobre a biografia do "profeta" Maomé.
Link para um livro: http://ahistoriademaome.blogspot.com.br/

Quando avisamos sobre o perigo da islamização da nossa sociedade, perguntam-nos muitas vezes, em tom de escárnio, "se percebemos mais de Islão" que o incandescente David Munir.
De facto, Stalin ou Mao eram capaz de perceber mais de Comunismo do que nós. Hitler ou Himmler percebiam mais de Nazismo do que nós. Al Capone ou Vito Genovese percebiam mais da Mafia do que nós.
Mas também percebem de ideologias perniciosas e criminosas aqueles que lá militaram, como Wafa Sultan ou Walid Shoebat. Não valerá a pena ouvi-los e tratar de saber quem tem razão?
A Khadija Kafir também é uma ex-muçulmana que conta a verdade sobre o Islão. E não é "a palavra de Wafa contra do Munir". É o que todos podem conferir se ABRIREM OS OLHOS PARA A REALIDADE:

 Alcorão ==> link; pdf  
Tradução de Mansour Challita

E-books
Lei Islâmica (Sharia) para os não-muçulmanos ==> pdf-1; pdf-2; blog

Islã 101: uma introdução ao islão e a jihad islâmica ==> link

A História de Maomé ==> link, blog

Guia Politicamente Incorreto do Islã (e das Cruzadas) ==> link

Anti-Cristo: o Messias esperado pelo Islã ==> link

Jesus e Maomé, diferenças profundas e semelhanças surpreendentes ==> link

Porque o Islã? ==> link

Infiel ==> link 
Ayaan Hirsi Ali

Resposta ao Islã: o que todo cristão precisa saber sobre o islamismo e sobre a sua própria fé - Volume 1, Volume 2 e Volume 3

Jihad e o Reino de Deus ==> link 
Islamismo e a Trindade ==> link
Islamismo e a Cruz de Cristo ==> link 


Maomé disse: creia ou morra! ==> link
(desenho em quadrinhos)
Livros
Segredos do Alcorão ==> detalhes e comentário

Os Fatos sobre o Islã ==> detalhes; pdf

A Hora da Verdade Sobre o Islã ==> detalhes 


Por dentro da Jihad ==> detalhes


Filho do Hamas - Relato Impressionante sobre Terrorismo, Traição, Intrigas Políticas e Escolhas ==> detalhes


A Islamização da Europa ==> detalhes
Alexandre del Valle
Editora: Livraria Civilização Editora, Porto, 2009, 333 págs.
ISBN: 978-972-26-2719-1

A Fênix Islamista ==> detalhes
Loretta Napoleoni
(entrevista da autora no O Globo)  

Livro: 23 Visitas ao Oriente Médio, Uma Reflexão Necessária ==> detalhes
Ivia Cornelli

Vídeos
DVD Obsessão - A Guerra do Islã Radical Contra o Ocidente ==> detalhes
também disponível no YouTube aqui e aqui.

DVD - A Verdade Sobre o Conflito no Oriente Médio ==> detalhes

também disponível no YouTube aqui.

e em Inglês:

http://themuslimissue.wordpress.com/

Uma mesquita não é como um templo hindu ou budista, como sinagoga ou uma igreja. Numa mesquita ensina-se ÓDIO. Não hé mesquitas radicais e moderadas. Há mesquitas. Há Islão. Aqui, temos um clérigo a ensinar como se deve decapitar um infiel, segundo o Alcorão:

terça-feira, 25 de julho de 2017

O que realmente interessa saber sobre o Islão

Islão: fonte de problemas no relacionamento com o resto do mundo

Por favor, compartilhe este vídeo para que as pessoas possam saber mais sobre o Islão.
E, por favor, tenha em mente que a palavra “islamofobia” é uma falácia.
Ter uma fobia significa ter um medo irracional.
Temer o Islão, que quer 80% da humanidade escravizada ou exterminada, é totalmente racional, e, deste modo, as críticas não podem ser chamadas de “fobias.”
Este vídeo não está limitado a religião de ninguém, mas o que segue é verdadeiro.

Factos
— O “homem-bomba do sapato” era um muçulmano
— Os franco-atiradores da Beltway eram muçulmanos
— O atirador de Fort Hood  era muçulmano
— O “homem-bomba da cueca” era um muçulmano
— Os homens-bomba do USS Cole eram muçulmanos
— Os homens-bomba do trem em Madrid eram muçulmanos
— Os homens-bomba da discoteca em Bali eram muçulmanos
— Os homens-bomba do metro de Londres eram muçulmanos
— Os homens-bomba do Teatro de Moscou eram muçulmanos
— Os homens-bomba da maratona em Boston eram muçulmanos
— Os homens-bomba do voo 93 da Pan-Am eram muçulmanos
— Os sequestradores do avião da Air France para Entebe eram muçulmanos
— O sequestro e prisão ilegal de 52 pessoas mantidas como reféns por 444 dias na embaixada americana no Irão foi obra de muçulmanos
— Os homens-bomba da embaixada americana em Beirute eram muçulmanos
— A embaixada dos EUA na Líbia foi atacada pelos muçulmanos
— Os homens-bomba suicidas em Buenos Aires eram muçulmanos
— Os atletas olímpicos de Israel foram atacados e mortos por muçulmanos
— Os homens-bomba da embaixada americana no Quénia eram muçulmanos
— Os homens-bomba das torres de Khobar eram muçulmanos
— Os homens-bomba do quartel marinho em Beirute eram muçulmanos
— A escola russa de Beslan foi atacada por muçulmanos
— Os primeiros homens-bomba das Torres Gémeas em Nova Iorque eram muçulmanos (1993)
— Os atentados na cidade de Mumbai na Índia, foram feitos por muçulmanos
Os sequestradores do navio-cruzeiro Achille Lauro eram muçulmanos
— Os assassinos no shoping de Nairóbi, Quénia, eram muçulmanos  
— Os sequestradores dos aviões em 11 de Setembro de 2001 eram muçulmanos
— O sequestrador que fez reféns na cafeteria Martin Place Lindt em Sydney era muçulmano
— Os assassinos das crianças na escola em Peshawar no Paquistão eram muçulmanos
— As 276 meninas sequestradas na Nigéria foram sequestradas por muçulmanos
— A revista Charlie Hebdo e o supermercado kosher em Paris foram atacados por muçulmanos
— O grupo terrorista nigeriano Boko Haram que matou mais de 5 mil civis é muçulmano
Pense nisso:
Hindus morando com judeus = Nenhum problema
Baha’is morando com judeus = Nenhum problema
Judeus morando com ateus = Nenhum problema
Siques morando com hindus = Nenhum problema
Hindus morando com os Baha’is = Nenhum problema
Cristãos morando com os judeus = Nenhum problema
Judeus morando com budistas = Nenhum problema
Xintoístas morando com ateus = Nenhum problema
Budistas morando com siques = Nenhum problema
Baha’is morando com os cristãos = Nenhum problema
Budistas morando com xintoístas = Nenhum problema
Budistas morando com hindus = Nenhum problema
Hindus morando com cristãos = apenas alguns problemas raros
Ateus morando com budistas = Nenhum problema
Confucionistas morando hindus = Nenhum problema
Ateus morando com confucionistas = Nenhum problema
Cristãos morando com xintoístas = Nenhum problema
Xintoístas morando com confucionistas = Nenhum problema
Confucionistas morando com os Baha’is = Nenhum problema
Hindus morando com os Baha’is = Nenhum problema
Muçulmanos morando com judeus =  problema
Muçulmanos morando com siques =  problema
Muçulmanos morando com hindus =  problema
Muçulmanos morando com os Baha’is =  problema
Muçulmanos morando com xintoístas =  problema
Muçulmanos morando com budistas =  problema
Muçulmanos morando com cristãos =  problema
Muçulmanos morando com ateus =  problema
MUÇULMANOS MORANDO COM MUÇULMANOS = PROBLEMA MUITO GRANDE!
Sunitas odeiam xiitas. Xiitas odeiam sunitas. São todos muçulmanos.
***** Então isto leva a… *****
Eles não estão felizes em Gaza
Eles não estão felizes no Egipto
Eles não estão felizes na Líbia
Eles não estão felizes no Irão
Eles não estão felizes no Iraque
Eles não estão felizes no Iémen
Eles não estão felizes no Paquistão
Eles não estão felizes na Síria
Eles não estão felizes no Líbano
Eles não estão felizes na Nigéria
Eles não estão felizes no Quénia
Eles não estão felizes no Sudão
Eles não estão felizes no Marrocos
Eles não estão felizes no Afeganistão
ETC ETC ETC ETC
******** Pois onde eles estão felizes? **********
Eles estão felizes na Austrália e na nova Zelândia
Eles estão felizes na Bélgica
Eles estão felizes na França
Eles estão felizes na Holanda
Eles estão felizes na Itália
Eles estão felizes na Alemanha, na Áustria e na Suíça
Eles estão felizes na Espanha
Eles estão felizes na Suécia
Eles estão felizes na Dinamarca
Eles estão felizes nos Estados Unidos e no Canadá
Eles estão felizes na Noruega e na Índia
Eles estão muito felizes na Inglaterra, com toneladas de serviços sociais
Eles estão felizes na Argentina e no Brasil
Eles estão felizes em quase todos os países que não são islâmicos! E quem eles culpam? Não o Islão… Não os seus governos… Não eles mesmos… ELES CULPAM OS PAÍSES EM QUE ELES ESTÃO FELIZES!! E eles querem mudar os países em que eles estão felizes, para parecerem-se com os países de onde eles vieram e estavam infelizes! *PQP*!
Jihad Islâmica: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
ISIS: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Al-Qaeda: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Talibã: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Boko Haram: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Al-Nusra: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Abu Sayyaf: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Al-Badr: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Irmandade Muçulmana: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Lashkar-e-Taiba: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Ansaru: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Jemaah Islamiyah: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Brigadas de Abdullah Azzam: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Al-Shabab (Somália): UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Hamas: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Hezbollah: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
Frente de Libertaçao da Palestina: UMA ORGANIZAÇÃO TERRORISTA ISLÂMICA
E isso é apenas a ponta do iceberg do terrorismo islâmico.
Existe mais, muito mais. 
Obrigado, "religião da paz"!
Por favor, compartilhe este vídeo para ajudar a disseminar pelo mundo que virtualmente todo os terrorismo hoje no mundo é ISLÂMICO
E arriscar ser chamado de “intolerante preconceituoso” por dizer a verdade sobre os intolerantes preconceituosos islâmicos.    
Grato ao autor I. Q. Al-Raouli.
Traduzido com algumas modificações e adendas sobre o original.
Contribuição de Gustavo Bourbon e Laura Laura.
José Atento BLOG LEI ISLÂMICA EM AÇÃO

-------------------------

Visite a nossa secção:

 E estude o Islão:

O TERRORISMO GLOBAL

domingo, 23 de julho de 2017

X-rated! Hot Girls do Estado Islâmico! (e ameaça de morte, eh, eh...)



Terroristas do ISIS tentam escapar disfarçados de mulheres, mas são descobertos por se esquecerem de fazer a barba

Os cobardes jihadistas pertencentes ao ISIS são capazes de fazer qualquer coisa para fugirem da Síria e do Iraque, onde estão a perder o controle, e para isso idealizaram um plano de fuga - que não terminou muito bem.

O plano era disfarçarem-se mulheres, e até usaram maquilhagem, mas esqueceram-se de fazer a barba!
Pensaram que o plano era infalível, mas a sua inteligência limitada impediu-os de se lembrarem de que as mulheres não usam barba nem bigode.
Ver:

Efeitos de séculos de extrema endogamia entre muçulmanos: baixo QI, violência e terrorismo


Aqui estão as matrafonas! (Rapazes, não se apaixonem...).

O Exército iraquiano, apoiado por tropas norte-americanas, demorou nove meses para chegar à cidade de Mosul, mas o ISIS, já sem a ajuda do Irmão Obama, e com Trump ao leme do Mundo Livre, parece ter os dias contados.
Fonte: CASO ISOLADO (um nome genial!!!)

- Por ser domingo e silly-season, este vosso humilde criado seleccionou esta bela notícia para vós. Não tendes nada que agradecer!


P.S. - Ontem um Muamar qualquer veio aqui ameaçar-me de morte por eu ter mostrado a realidade. Típico da moirama. Matam, torturam, estupram, em obediência ao Alcorão, mas quem mostra a realidade é executado. 
Os terroristas, na sua incomensurável cobardia, vestirem-se de mulher, como este que era o 6º mais procurado do mundo, é corriqueiro:


Priscilla a Rainha do Deserto

Por uma questão de decoro e de nojo, nem tenho mostrado muito de como os valentes guerreiros de Alá estupram mulheres e crianças "infiéis" e de como os terroristas mais graduados sodomizam os de patente mais baixa. Tudo em nome de Alá.

Aqui, temos um grande xeque (um gajo da craveira do David Munir) a explicar que a sodomia compulsiva (nada temos contra  a consensual) é permitida para fins jihadistas:



E aqui, temos um terrorista capturado, a contar como decapitava infiéis, como era sodomizado em nome de Alá, e outras lindezas islâmicas:



Mas esta escória abjecta sodomizar-se entre si, a bem ou a mal, não tem a menor importância. Que sejam felizes e que tenha muitas hemorróidas.
O problema é que esta diabólica ideologia aprova o estupro de mulheres e crianças: